Em caso de necessidade utilize o

Fale Diversidades ou o Canal de Denúncias

dos Escoteiros do Brasil - Rio Grande do Sul

Escoteiros do Brasil - Rio Grande do Sul

Rua Castro Alves, 398 - Bairro Rio Branco

CEP 90430-130 - Porto Alegre - RS

(51) 3330-9784 - (51) 3332-3127

comunicacao@escoteirosrs.org.br

Segunda à sexta 8h15 às 18h

  • Facebook - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle

Escoteiros do Rio Grande do Sul participam da XXI Parada Livre de Porto Alegre

28.11.2017

Aconteceu neste domingo a 21ª edição da Parada Livre de Porto Alegre, importante evento de luta pelos direitos da população LGBT+. Realizado no Parque da Redenção, pela primeira vez o evento contou com o apoio da Região Escoteira do Rio Grande do Sul, que esteve presente com um estande de divulgação do escotismo. Considerada uma das mais importantes agendas do movimento LGBT+ na capital gaúcha, a Parada é também um ato político e espaço de celebração para diversidade sexual e de gênero, além de um momento de conscientização e educação para o respeito e para uma cultura de paz.

Vale lembrar:
O escotismo é um movimento educacional mundial que visa contribuir para a educação e formação de caráter de crianças, adolescentes e jovens, tendo em sua base princípios como o respeito ao próximo e a valorização dos direitos humanos. Foi pensando nisso que os Escoteiros do Brasil publicaram em 2015 o Posicionamento oficial sobre homoafetividade. O documento aborda questões como o respeito a todos as relações, sejam heteroafetivas ou homoafetivas, manifesta que a homofobia, e qualquer tipo de discriminação, é contrária aos princípios escoteiros, além de citar que o tema deve ser abordado no Programa Educativo de forma diferenciada para cada faixa etária, assim como nos cursos de capacitação para os adultos voluntários que apoiam o escotismo.

 

Além de serem a primeira região escoteira a apoiar institucionalmente um evento como a Parada Livre, os Escoteiros do Brasil – Rio Grande do Sul também são os primeiros a terem uma Equipe Regional específica para abordar o tema diversidades. Criada em 2016, a Equipe Regional de Diversidades trabalha para sensibilizar, informar e educar acerca das questões de gênero, LGBT, raciais, entre outras.

 


Escotismo e diversidade na mídia

 

Fomos notícia no Jornal VS, GaúchaZH, RBS TV e Jornal do Comércio

Compartilhar
Compartilhar
Please reload

Please reload