Dia Mundial da Conscientização do Autismo

Dia 02 de Abril é o Dia Mundial da Conscientização do Autismo, e para agregar a este dia a Equipe Regional de Inclusão e Acessibilidade traz algumas dicas do que pode ser feito para estimular, em sua Unidade Escoteira Local, a inclusão de crianças e jovens com Transtorno do Espectro Autista TEA.


Este jovem é o Gustavo Natan Batista Bruxel, tem 17 anos e é sênior da Tropa Charrua do Grupo Escoteiro Farrapos Carijós 368 de Ijui. Na fotografia, ele está participando de um Desfile Cívico de 7 de Setembro na sua cidade, e nos mostra que a participação efetiva no Movimento Escoteiro de crianças e jovens com TEA é uma possibilidade real.



#PraVegoVer

#PraTodosVerem

#PraTodoMundoVer


Descrição da Imagem:

Fotografia colorida ao ar livre de jovem escoteiro menino, vestindo vestuário e lenço escoteiro e com distintivos coloridos costurados na camisa de mangas curtas. Ele tem a pele clara, cabelo curto, o corpo está de frente e seu rosto virado para a sua direita, com expressão de fala. As duas mãos à frente do corpo, seguram um cabo de madeira. Ao fundo, atrás dele, pessoas desfocadas levam uma faixa de fundo branco com letras coloridas. Mais ao fundo, árvores e outras pessoas.

Fim da descrição.


“Há muitas maneiras de envolver a criança ou jovem com TEA nas atividades realizadas pelo sua UEL, só depende de muita compreensão e de acompanhar o tempo dele. A Família é em primeiro lugar a mais indicada para auxiliar. Os Pais e os familiares conhecem quais são os pontos mais desafiadores para a pessoa com autismo.


Seguem algumas dicas importantes:


- Nunca impeça a criança ou o jovem de brincar ou interagir.

É importante que ela(e) se sinta motivada(o). Para as outras crianças convidarem para brincar, basta explicar que o autista tem algumas diferenças mas que nada impede, de maneira nenhuma que sejam amigos.


- Conscientize o ramo do qual ela fará parte.

Informação é tudo, se todos conhecerem quais são as características de cada um, como as hipersensibilidades ou as mudanças de humor vai ser mais fácil respeitar as suas particularidades.


- Respeite o seu espaço.

Uma das características que ele pode apresentar é não gostar de toques e abraços, mas juntos podem achar outras maneiras de demostrar carinho.


- Nunca o subestime.

Se por um lado, o autista pode ter algumas limitações por outro ele pode ser brilhante. Identifique uma habilidade e tente fazer uma aproximação dele com os outros membros.

Toda a forma de interação é muito bem vinda. É só respeitar sempre a sua condição.

Vamos todos incluir e respeitar as diferenças! “


Texto da Integrante da ERIAc Quelen Tabile Batista, do G.E. Farrapos Carijós , mãe do Gustavo.

A ERIAc buscando estar em sintonia com as instituições que atendem as pessoas com TEA traz o relato da ONG Autismo e Vida, é parceira de muitas ações em prol da inclusão de crianças e jovens com TEA no ME.


"Dia 02 de abril é o dia mundial da conscientização do autismo criado pela ONU em 2007.

O objetivo é informar e conscientizar as pessoas sobre o Transtorno do Espectro Autista para diminuir a discriminação das pessoas com autismo. As pessoas autistas apresentam como características dificuldade na interação e habilidades sociais; e déficit na comunicação.

A pessoa autista não possui habilidades sociais necessitando por vezes de suporte para poder integrar e interagir com um grupo. Assim os escoteiros podem formar uma alternativa para auxiliar na socialização da Pessoa Autista. Os trabalhos em grupo, desde que devidamente adaptados às necessidades de cada pessoa, proporcionam uma vivência e inserção em grupos.

Esta vivência trabalha questões de autonomia, atividades da vida diária, disciplina, visões em grupo, coordenação motora, entre outras, proporcionando à pessoa autista aprendizagens em diversas situações que auxiliam no desenvolvimento de habilidades diversas.

Ser diferente não é motivo para segregar e sim para entendermos que os espaços são de todos, seja nas escolas, nos parques, nos grupos de escoteiros..."

Autismo & Vida


#EscoteirosRS #Autismo #Inclusao #ERIACRS



15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo